As 10 mentiras que os Homens mais contam

As 10 mentiras que os Homens mais contam

Claro que nem todos os homens mentem. E nem toda as mulheres acreditam. Mas há umas petas bem clássicas. Vamos descobrir o top 10:

1 – Não estás nada  gorda!
Estava mesmo à espera desta, não é? Pois continua a mentira clássica masculina. Como atenuante, deve ressalvar-se que eles de facto não têm muito por onde escapar. Se uma mulher lhes pergunta: “Achas que esta t-shirt me faz mais gorda?” que é que queriam que o desgraçado respondesse? “Acho que sim, fofinha,  que ficas tal qual a baleia do “Libertem Willy”?” “Ficas uma lontra mas eu amo-te na mesma, sabe Deus porquê”? Hmmm….

2 – O frango está óptimo!
Mais uma na categoria das mentiras piedosas, que aliás só lhes fica bem, embora  em última análise não faça nada pelo futuro do casamento. Até porque elas  começam a ficar desconfiadas e depois descambam aquelas conversas quilométricas  do tipo “Mas diz lá a verdade, está horrível, não está? Ficou esturrado dos lados, não ficou? Tá sem sal! E tu nem sequer gostas de frango! Ouvi-te dizer isso um dia à minha mãe! Que te dava azia! E agora dizes que está óptimo! Olha e se fizesses tu o jantar, para variar?” Alternativa masculina: ehhh… vão jantar  fora.

3 – Nunca mais vi a Patrícia desde que nos separámos.
Pois, se calhar não, coitado. Ou se calhar encontrou-a numa sexta feira à noite no  supermercado, ele virou à esquerda a seguir aos enlatados, ela virou à direita a  seguir às alfaces, e pimba. Ficaram ali um bocado no corredor a atravancar o  trânsito e a falar de nada, o cão dela que tem asma e saudades dele, a filha  dele que ela não conhece e que felizmente não tem nada (nem asma nem saudades) e  depois separaram-se e nunca mais, e de facto ele não achou importante contar em  casa, para quê, ia dizer o quê, “Olha hoje vi a Patrícia, tá mesmo gira!”… E  nunca mais viu de facto, embora sonhe com ela às vezes, na hora mais escura da  noite, porque enfim, um homem não controla aquilo que sonha.

4 – Não olho para mais nenhuma mulher além de ti.
Todos olham. Qual é o mal. Aliás, se se  ficar pelos olhos já é uma sorte.

5 – Nunca faria nada que te  magoasse.
Pois se calhar a intenção dele é mesmo essa, o problema é que não é  coisa que se possa prometer. Às vezes magoamos os outros não porque nos apetece  mas porque acontece…

6 – Vou deixar a minha mulher.
É a mentira  sacana clássica dos que são casados mas não pretendem fazer com que isso lhes  atrapalhe a vida. “Sim, não te vou mentir, sou casado mas a nossa relação está  por um fio”, “ou “estamos mesmo mesmo nas fases finais do divórcio”, ou a versão  piedosa do “Ai sim, sou casado mas não me posso separar agora porque a Mitó está  a atravessar uma fase péssima, coitada, imagina que lhe morreu a mãe e na semana  seguinte morreu também o gato! Deixa passar algum tempo”. Pois, algum tempo.  Tipo para aí 57 anos.

7 – O teu trabalho é tão importante como o meu.
Desiluda-se: não importa que tipo de profissão tenha – enfermeira, professora,  talhante ou Presidente da República – quando chegar a altura de ter de optar, o  trabalho dele há-de ser sempre mais importante. Se for preciso sair mais cedo  para levar o gato ao veterinário, ir às Finanças, acompanhar a mãe ao médico ou  levar a criança ao hospital, quem falta é sempre a mulher.

8 – Claro que  não mandei nenhuma mensagem à Joana.
Nem à Ritinha. Nem à Sara. Nem à, como é  que se chamava aquela por quem ele tem uma pancada que se vê à légua, mesmo que  ele diga que só a admira intelectualmente (admirar intelectualmente para eles  não conta, é assim mais ou menos a mesma coisa que admirar outro gajo). Aliás  desde que aderiram ao Facebook, a vida ficou um inferno. Ela também lá anda, mas  quem lhe dá conversa são as amigas do costume, todas a queixar-se das borbulhas  da Joaninha, do livro que não conseguem encontrar e do estado da Nação. E além  disso ela tem mais que fazer do que andar em conversetas. Ele é que tem 2456  amiguinhos (e nem quer pensar quais destes são amiguinhas), ele é que fica nos  chats até à 1 da manhã com a desculpa que está a trabalhar num projeto, ele é  que amigou todas as suas conhecidas de vários planetas, feias, bonitas e  intelectuais, ele é que dá conversa a tudo quanto tecle. Pois se calhar é tudo  inocente. Se calhar não quer dizer nada. Se calhar.

9 – Adoro comédias  românticas.
Pronto, sim, há quem adore. Há quem fique a ver telenovelas com a  maior das dedicações e não se vá deitar sem saber se a Maria afinal sempre vai  dizer à Carolina que está apaixonada pelo Vasco. Mas a maioria vai ver histórias  de amor… bem, por amor, mesmo. A maioria preferia mil vezes uma história de  amor entre um camião disparado pela autoestrada em chamas até chocar com uma  retroescavadora em transe, abalroando pelo caminho cinquenta Mercedes, vinte  camiões Tir, duas bicicletas e um gato. Assim uma coisa em grande.

10 – Não me importo nada que tragas a tua mãe.
Pois não, que ideia… Uma senhora  tão agradável, que passa o almoço a protestar que as almôndegas estão sem sal, o  arroz mal cozido, a sangria pouco doce e o leite creme muito queimado. Nem me  importo nada que queiras passar o Domingo com ela e não comigo, e que aches que  tens mais responsabilidades para com ela do que para mim, e que digas que ela  continua a ser a pessoa mais importante da tua vida…

loading...

Check Also

Tocou o telefone às 3 da madrugada…

Às 3 da madrugada toca o telefone de um homem rico que estava de férias ...